2a IEQ Joinville, SC - Igreja do Evangelho Quadrangular

Uma escola para toda a vida.

A Escola Bíblica Quadrangular é parte do Ministério Local da 2ª IEQ tendo como função, o ensino bíblico contínuo. Promove a educação bíblica como ponto de partida para a comunhão, o serviço e a evangelização.

A importância do ensino bíblico

A visão ampla do Evangelho (a Boa Nova, a salvação dada por Cristo) é alcançar almas (para que se aproximem de Cristo, O aceitem e O sigam), consolidar a mensagem de Cristo, promover a comunhão entre os cristãos e capacitar estes cristãos, para que possam ser enviados e assim alcançar almas. Nesta visão, não existe, contudo, maneira de consolidar, estar em comunhão, capacitar ou enviar, sem o entendimento da Palavra de Deus, portanto, sem o estudo da Bíblia.

“Porque todo aquele que invocar o nome do Senhor será salvo. Como, pois, invocarão aquele em quem não creram? E como crerão naquele de quem não ouviram? E como ouvirão, se não há quem pregue? E como pregarão, se não forem enviados?” Romanos 10:13-15.

O conhecimento da Palavra de Deus, expressa na Bíblia é algo fundamental.

“Meu povo perece por falta de conhecimento”. Oséias 4:6.

“Examinais as Escrituras, porque vós cuidais ter nelas a vida eterna, e são elas que de mim testificam”. João 5:39

“Ora, estes de Beréia eram mais nobres, pois de bom grado receberam a palavra, examinando cada dia nas Escrituras se estas coisas eram assim”. Atos 17:11.

O ministério terreno de Jesus Cristo teve três aspectos principais: seu sacrifício de morte e ressurreição (ponto principal de Sua missão), os milagres (sinais de comprovação de Sua condição de Messias) e o ensino (cujos registros bíblicos são até hoje a base de toda a fé cristã), sendo este aspecto o que Lhe exigiu maior tempo investido, incluindo a convivência com seus discípulos, suas idas ao Templo e também suas pregações às multidões.

Nota-se que, em vários textos bíblicos, Jesus é chamado de rabi – que significa “meu mestre” e que deriva da palavra hebraica “Rav”, ou seja, “grande e distinto em conhecimento”. O equivalente grego a rabi é didaskalos (“aquele que transmite conhecimento”). Daí o ensino é também chamado de didática. A palavra mestre (ou rabi) aparece no Novo Testamento 106 vezes (contagem via tradução ACF, Almeida Corrigida e Revisada Fiel). A palavra ensinar, no sentido de instruir (do grego didasko ou didake) aparece 58 vezes.

Exemplos:

“Mas, no meio da festa subiu Jesus ao templo, e ensinava”.  João 7:14.

“E aconteceu que, acabando Jesus de dar instruções aos seus doze discípulos, partiu dali a ensinar e a pregar nas cidades deles”. Mateus 11:1

“Fiz o primeiro tratado, ó Teófilo, acerca de tudo que Jesus começou, não só a fazer, mas a ensinar”. Atos 1:1

“E todos os dias, no templo e nas casas, não cessavam de ensinar, e de anunciar a Jesus Cristo”.  Atos 5:42.

O Novo Testamento contém, inclusive, orientação sobre a importância do aperfeiçoamento, através do ensino bíblico.

E ele mesmo deu uns para apóstolos, e outros para profetas, e outros para evangelistas, e outros para pastores e doutores. Querendo o aperfeiçoamento dos santos, para a obra do ministério, para edificação do corpo de Cristo. Até que todos cheguemos à unidade da fé, e ao conhecimento do Filho de Deus, a homem perfeito, à medida da estatura completa de Cristo. Para que não sejamos mais meninos inconstantes, levados em roda por todo o vento de doutrina, pelo engano dos homens que com astúcia enganam fraudulosamente. Efésios 4:11-14.

Quanto este texto cita doutores, refere-se a professores. Um dos significados da palavra doctor (do latim) é “aquele que ensina” e sua origem é a palavra docere (também do latim, que significa “ensinar”).

A Escola Bíblica Quadrangular

Diante da importância acima descrita do ensino bíblico, toda Igreja do Evangelho Quadrangular, inclusive a nossa 2ª IEQ, tem uma Escola Bíblica.

São objetivos da Escola Bíblica Quadrangular:

  • Consolidar a aceitação pessoal de Jesus Cristo como Salvador e Senhor;
  • Desenvolver em cada indivíduo o conhecimento de Deus, juntamente com a leitura, o entendimento e a prática das Escrituras Sagradas;
  • Formar o caráter de cristão, promovendo o bom testemunho verdadeiro de uma vida cristã plena e abundante;
  • Orientar o cristão nos vários aspectos de sua vida, seja espiritual ou secular;
  • Despertar vocações para o trabalho no ministério;
  • Promover a educação bíblica como ponto de partida para a comunhão, o serviço e a evangelização, fortalecendo assim o Corpo de Cristo (a Igreja).
  • Em relação à denominação (IEQ), promover os valores, a identidade e a doutrina quadrangular – estes, de base bíblica.

A condução das atividades da Escola Bíblica é efetuada por uma equipe de professores escolhidos, chamados e capacitados por Deus para o ministério de ensino.

A estrutura e os conteúdos curriculares da Escola Bíblica observam a diretriz do desenvolvimento das competências ser, saber e fazer – sempre de acordo com a Bíblia.

O conteúdo da Escola Bíblica é organizado anualmente, distribuído em aulas semanais, sempre trazendo temas relevantes para a vida do cristão e sempre trazendo orientação bíblica para estes temas.

A Escola Bíblica é organizada em turmas, por faixa etária. Assim, todos os alunos encontram um ambiente de comunhão, para o estudo bíblico direcionado à sua idade, seja uma criança de três anos ou um senhor de noventa.

Existem também turmas específicas para as pessoas que se preparam para o Batismo, para os irmãos novos convertidos e para integrantes de louvor e diaconato. Nestes casos, o conteúdo da Escola também considera o tempo de permanência do aluno na Igreja e as atividades específicas no Ministério Local.

DEBQ – Departamento de Educação Bíblica Quadrangular

DEBQ Logo

No nível nacional, o DEBQ é parte da SGEC – Secretaria Geral de Educação e Cultura. O DEBQ tem como objetivo a implantação e a atualização das Escolas Bíblicas em todas as Igrejas locais. No nível estadual existem também as Secretarias Estaduais de Educação e Cultura e as Coordenadorias Regionais.

Na 2ª IEQ, o DEBQ existe desde a fundação (em 1963) e tem como funções:

  • Como o nome já indica, a administração da Escola Bíblica Quadrangular local.
  • Intercâmbio entre a Igreja local e a SGEC (nacional), a Secretaria Estadual e a Coordenadoria Regional de Educação.
  • Fazer da educação um instrumento de crescimento espiritual e de fortalecimento da Igreja.
  • Assessorar todas as atividades de ensino da Igreja local, inclusive os eventos de capacitação e os cursos de extensão realizados pelos demais departamentos, através do apoio técnico-pedagógico e do registro de atividades.

Curiosidades

O logotipo do DEBQ, que aparece acima (e foi criado pelo Rev. Francisco da Rosa Girardi) contém:

  • A Bíblia: base de todo o ensino, aparece aberta para sinalizar a vivência dinâmica da Palavra de Deus;
  • A chama, que simboliza o poder do Espírito Santo trazendo iluminação das Sagradas Escrituras ao homem;
  • A unidade indivisível entre o Conhecimento (Palavra) e a Unção (Espírito Santo);
  • As cores da IEQ: são as cores que aparecem no fogo e apontam para o avivamento através da Nação Quadrangular. Vide detalhes sobre as cores na página sobre a Mensagem Quadrangular.

A Educação Bíblica Quadrangular é tão importante para a IEQ que faz parte de nossas referências históricas:

  • A fundadora da IEQ, Ir. Aimeé Sample McPherson, já adotava o ensino bíblico nas primeiras tendas (1917), reunindo as pessoas para estudar a Bíblia. Logo após a inauguração da sede da IEQ, o Angelus Temple (Los Angeles, 1923), implantou o Life Bible College, para formar novos obreiros e missionários.
  • Um destes alunos, o missionário Harold Willians, fundou a IEQ no Brasil (1951) e já adotava o ensino bíblico nas primeiras tendas. Assim eram formados os obreiros brasileiros e iniciadas as IEQs pelo grande território brasileiro. No começo, as aulas eram improvisadas na própria tenda e o único material didático era a própria Bíblia.
  • Um destes obreiros, o Pr. Mariano de Castro, trouxe uma das tendas para Joinville (1956). Após os cultos, havia grupos de estudo bíblico na tenda.
  • No início da IEQ no Brasil, houve certa confusão sobre o conceito de “Escola Bíblica”. Em função do nome, achava-se que a Escola era exclusivamente infantil e a maioria dos alunos (na década de 1950) tinha até doze anos de idade. O DEBQ nacional foi formalmente organizado em 1959, com a vinda da missionária e professora Lucille Marie Johnson (EUA), que incentivou o uso de revistas de estudo e criou turmas específicas para crianças e também para jovens e adultos, afinal todos necessitam conhecer a Bíblia.
  • Para que uma Igreja local seja reconhecida (emancipada), são necessários alguns pré-requisitos. Entre eles, deve existir uma Escola Bíblica. Quando a IEQ de Joinville foi emancipada (1957) e também a nossa 2ª IEQ (1963), já foram instituídas as respectivas Escolas Bíblicas.
  • A EBQ, Escola Bíblica Quadrangular também é conhecida (e já foi denominada) como Escola Bíblica Dominical, pois na maioria das Igrejas as aulas acontecem aos domingos. Contudo, EBQ é o nome oficial.
  • Além do ensino bíblico continuado da Escola Bíblica, a IEQ também conta com o ITQ (Instituto Teológico Quadrangular), para o ensino bíblico-teológico acadêmico. Fundado em 1957 (em São Paulo), com o nome de IBQ. O primeiro IBQ da Região Sul foi aberto aqui em Joinville, em 1981.

Ligações Externas:

História da Escola Bíblica da IEQ no Brasil

Secretaria Geral de Educação e Cultura – IEQ Brasil

Mais informações sobre a Escola Bíblica na 2ª IEQ:

Horários de Aula – vide página da Agenda

Liderança – vide página do Ministério Local

Cursos promovidos na Igreja (em breve)

Novidades, matérias e artigos da Escola Bíblica (neste site)


Grave ou espalhe por aí:
  • email
  • Add to favorites
  • Orkut
  • Facebook
  • LinkedIn
  • del.icio.us
  • Technorati
  • MySpace
  • Digg
  • Google Bookmarks
  • Google Buzz
  • Yahoo! Buzz
  • Live
  • Rec6
  • BlinkList
  • Tumblr
  • FriendFeed
  • Netvibes
  • StumbleUpon
  • blogmarks
  • Reddit
  • RSS
2a IEQ Joinville, SC – Igreja do Evangelho Quadrangular
Desenvolvido por Charles A. Müller.
Este site utiliza o software WordPress, com layout adaptado de Boombax by itx.

Copyright IEQ. Alguns direitos reservados.
Permitida cópia de texto desde que citada fonte, com link. Vide detalhes em sobre o site...

logo IEQ